Regras básicas e guia prático para o mundo das franquias

Regras básicas e guia prático para o mundo das franquias

Um dos modelos de negócio que cresce cada vez mais, sem dúvida, é o das franquias. Elas permitem ao franqueado empreender com modelos de negócios já consolidados, marcas fortes e operação replicável. 

É uma alternativa muito interessante para todos aqueles que têm espírito empreendedor, mas preferem partir de um negócio já consolidado e com os seus alicerces estabelecidos.

Você empreendedor interessado ​​no mundo das franquias, deve ter algumas coisas claras antes de investir em uma delas.

  • Já sabe qual é o setor de atividade que mais lhe interessa? 
  • Necessita de um local fisico? 
  • De que investimento necessita?

Neste artigo, veremos exatamente como funciona uma franquia, a partir dos mecanismos básicos e dos requisitos mínimos necessários para iniciar esse tipo de negócio, com uma visão geral das principais vantagens.

Como uma franquia funciona: o básico

A franquia nada mais é do que um acordo entre duas partes, regido pela Lei nº 13.966, de 26 de dezembro de 2019, na qual encontramos o nome oficial do franchising, com a seguinte redação:

Art. 1º Esta Lei disciplina o sistema de franquia empresarial, pelo qual um franqueador autoriza por meio de contrato um franqueado a usar marcas e outros objetos de propriedade intelectual, sempre associados ao direito de produção ou distribuição exclusiva ou não exclusiva de produtos ou serviços e também ao direito de uso de métodos e sistemas de implantação e administração de negócio ou sistema operacional desenvolvido ou detido pelo franqueador, mediante remuneração direta ou indireta, sem caracterizar relação de consumo ou vínculo empregatício em relação ao franqueado ou a seus empregados, ainda que durante o período de treinamento.

Nesse contrato comercial, há, portanto, dois assuntos, econômica e juridicamente independentes, regidos por uma relação não de subordinação, mas de afiliação comercial, que prevê encargos e benefícios para ambas as partes.

A primeira entidade é uma empresa, denominada franqueador, que possui uma marca com a qual vende produtos ou presta serviços.

A segunda pessoa, chamada franqueado, pode ser qualquer pessoa interessada em começar um negócio por conta própria, que deseja vender os mesmos produtos ou serviços usando a marca registrada do franqueador.

Com base neste contrato, portanto, a empresa proprietária da marca concederá a essa pessoa a oportunidade de usá-la, disponibilizando a experiência e as técnicas para permitir que essa pessoa venda os produtos ou forneça os serviços, obtendo o máximo lucro possível e que permita o crescimento de ambos os negócios.

Já o know-how, o termo em inglês para “saber como” ou “saber fazer”. refere-se ao conjunto de conhecimentos e habilidades, técnicos e práticos (fórmulas, tecnologias, técnicas, procedimentos, experiência, etc.) transferidos do franqueador para o franqueado.

Eles garantem que o novo empreendedor opere com risco empresarial mínimo e inicie de forma rápida em um novo negócio, graças a três elementos principais: treinamento, consultoria e assistência.

Para ter acesso a todo esse conhecimento, técnicas e direitos de uso de marca, o franqueado terá que pagar ao proprietário da marca uma taxa inicial, chamada taxa de entrada ou taxa de franquia, e uma porcentagem dos lucros periódicos, chamados royalties.

Às vezes, também é solicitada uma taxa periódica como contribuição publicitária para as campanhas de marketing realizadas pela marca em nível nacional e/ou local.

É necessário ter em mente que as taxas citadas anteriormente variam de franquia para franquia, por isso você deverá verificar tudo isso em seu contrato.

Como funcionam as franquias

Ser um franqueado requer a posse de alguns requisitos legislativos específicos.

Mas como a franquia funciona do ponto de vista dos requisitos?

Para a atividade em geral, gostaríamos de destacar três que, em nossa opinião, são fundamentais:

  • Avalie suas atitudes pessoais, sem se deixar influenciar demais pelas modas atuais; tornar-se um empreendedor não é para todos, uma vez que são necessários comprometimento, engajamento e sacrifício acima da média. Além disso, você também deve avaliar seu conhecimento atual no setor em que deseja atuar, estudando e se aperfeiçoando também nas áreas em que precisa aprofundar.
  • Avaliar a área geográfica, com especial atenção à bacia de referência e à saturação do mercado; faria pouco sentido concentrar sua empresa em uma cidade onde já existem várias empresas que oferecem os mesmos bens ou serviços, por exemplo, ou com uma população muito pequena ou sem poder aquisitivo para comprar os seus produtos.
  • Avaliar se o investimento solicitado é adequado às suas capacidades financeiras. É verdade que a franquia pode amortizar a despesa inicial de abertura, mas ainda há um custo a ser incorrido. Portanto, é adequado esclarecer os números solicitados, com todas as cláusulas que possam surgir ao longo do caminho.

3 boas razões para escolher uma franquia da 2Share

Depois de ver como a franquia funciona, queremos listar brevemente as três principais razões para a escolha da franquia de multipropriedades 2Share.

1. Benefícios de Marketing

As comunicações centralizadas e as campanhas de marketing direcionadas levam a inúmeras vantagens e economia de tempo, além de absorverem massivamente os custos a serem incorridos.

Além disso, contar com uma marca e, portanto, um sinal único, garante uma comunicação clara e global, com grandes benefícios para todos os membros da rede.

2. Marca consolidada e portfólio de produtos

A 2Share é a única empresa do mercado de multipropriedades que trabalha com marcas internacionais, como o Hard Rock Hotels e a Eurostars.

A força de um portfólio com marcas premium de hotelaria, desejadas por todos, oferece um lastro importante, com a história e um enorme potencial de sucesso.

Grande parte desse sucesso foi construído com muitas estratégias e no olhar de inquietação para o mercado, sempre buscando novas oportunidades.

3. Baixos custos de abertura da franquia

Abrir uma franquia 2Share significa investir em um negócio com grande potencial de crescimento e faturamento, com custos iniciais mais baixos do que abrir uma empresa de forma independente, graças à vantagem da escala e da economia: comparado ao crescimento do tamanho do grupo, é alcançada uma redução substancial nos custos.

Deseja abrir sua própria franquia de multipropriedade e serviços de férias, iniciar uma carreira no setor ou está simplesmente interessado em aprender mais sobre as oportunidades oferecidas pela 2Share?

Entre em contato conosco clicando aqui e faça parte da nossa franquia!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
2Share Multipropriedades

2Share Multipropriedades

A sua casa de férias ficou mais acessível e tem todas as facilidades e exclusividades dos melhores resorts do mundo! ?

A multipropriedade imobiliária é a maneira mais prática e inteligente de garantir as viagens dos seus sonhos. Conheça a 2Share!

Acesse nosso site

Você vai gostar também!

Deixe uma resposta